Esportes e e-sports: quais são as diferenças?

Esportes e e-sports: quais são as diferenças?

Esportes e e-sports: quais são as diferenças?

O mercado de jogos eletrônicos é um dos mais lucrativos atualmente e, consequentemente, tem gerado cada vez mais oportunidades profissionais para os jovens, como o caso dos e-sports. Grandes competições e campeonatos ocorrem dentro e fora do país e cada vez mais pessoas se aperfeiçoam para jogar profissionalmente e competir em circuitos de games.

De acordo com uma pesquisa realizada pela Newzoo, empresa especializada em análises sobre o mercado de games, o Brasil representa, hoje, o 13º maior mercado gamer no mundo. Esses dados mostram que a modalidade esportiva conhecida como e-sports vem crescendo no mundo todo.

Mas quais são as diferenças e semelhanças entre o esporte tradicional e os e-sports? Convidamos Mariana Spinelli, jornalista esportiva e apresentadora do ESPN digital, e Luiz Queiroga, analista de conteúdo e especialista em esportes eletrônicos, que dominam ambos os assuntos, para fazer aquele debate saudável e entender como as modalidades funcionam.

Além do conteúdo do vídeo, que você pode assistir no player acima, Mariana e Luiz nos contaram um pouco mais sobre o futuro das modalidades esportivas:

“Muita gente coloca os dois segmentos como oposição um do outro, sendo que são modalidades de esportes que se complementam. Uma tem muito o que aprender com a outra — e vice-versa”, comenta Luiz.

Já Mariana acredita que o esporte tradicional sofrerá mudanças: “Acredito que o esporte tradicional sempre terá seu espaço por uma questão social e cultural mesmo. Passamos essa paixão por gerações. Mas a força do esporte tradicional vai diminuir. As novas gerações já são criadas e educadas em um novo formato, tendo mais proximidade e familiaridade com a tecnologia. Imagino que os mundos vão se cruzar: elementos dos esportes tradicionais serão vistos nos e-sports. Assim como a tecnologia dos e-sports será atrelada ao esporte tradicional”.

“Os e-sports ocupam um espaço que os esportes já cantaram o caminho das pedras. É um mesmo ecossistema, que vai de jogadores, comissão técnica a dirigentes, passando por campeonatos, estádios lotados e patrocinadores — além de audiência alta. Ao passo que algo muito recorrente nos e-sports, que são dados e estatísticas que o próprio jogo gera no decorrer das partidas, já vem acontecendo também nos esportes tradicionais com a inclusão da tecnologia para tirar o máximo proveito dos jogadores dentro de campo”, finaliza Luiz.

Fonte: Dialogando - Esportes e e-sports: quais são as diferenças? (2020)

Deixe uma resposta

O campo mensagem deve conter pelo menos 3 caracteres

Comentário(s)

  • Ugo Degani

    24/01/2020 20:50

    bem explicativo, e-sports são o futuro

    • Dialogando

      27/01/2020 19:38

      Olá, Ugo! Que bom que gostou! A ideia é que os e-sports alcancem ainda mais o mercado esportivo com campeonatos, além de influenciar quem gosta de videogame a seguir a carreira. Continue nos acompanhando! :)

Esportes e e-sports: quais são as diferenças? 2020-01-29 16:04:51
Newsletter

Receba nossas notícias e fique por dentro de tudo ;)